"Pai, começa o começo!"

Quando eu era criança e pegava uma tangerina para descascar, corria para meu pai e pedia:

"Pai, começa o começo!”

O que eu queria era que ele fizesse o primeiro rasgo na casca, o mais difícil e resistente para as minhas pequenas mãos. Depois, sorridente, ele sempre acabava descascando toda a fruta para mim. Mas, outras vezes, eu mesmo tirava o restante da casca a partir daquele primeiro rasgo providencial que ele havia feito.

Não sou mais criança. E muitas vezes fico tão perdido sem saber pra quem pedir pra pelo menos, “começar o começo” de tantas cascas duras que encontro pelo caminho.

Hoje, minhas “tangerinas” são outras. Preciso “descascar” as dificuldades do trabalho, os problemas no núcleo familiar, o esforço diário para fazer tudo certo, para não decepcionar as pessoas que me amam, as dúvidas e conflitos que nos afligem diante de decisões e desafios.

Em certas ocasiões, minhas tangerinas transformam-se em enormes abacaxis…

Lembro-me, então, que a segurança de ser atendido pelo papai quando lhe pedia para “começar o começo” era o que me dava a certeza que conseguiria chegar até ao último pedacinho da casca e saborear a fruta.

Quando a vida parecer muito grossa e difícil, como a casca de uma tangerina para as mãos frágeis de uma criança, lembre-se de pedir a Deus:

"Pai, começa o começo!”

Ele não só “começará o começo”, mas resolverá toda a situação para você. Não sei que tipo de dificuldade eu e você encontraremos pela frente. Sei apenas que vou me garantir no Amor Eterno de Deus para pedir, sempre que for preciso:

"Pai, começa o começo!”

Postado Por Thomas Jefferson em 06/06/2016 09:54:56
Visualizações: 263199 | Comentários: 2166

Sejam cheios do Espirito Santo

Três jovens chegaram para o pastor e perguntaram:

- Pastor, a palavra diz: "enchei-vos do Espirito Santo", mas como se faz isso?

O pastor lhes entregou uma peneira e disse:

- Vão até o rio e encham essa peneira com água, quando conseguirem vocês terão a resposta.

Os três jovens foram um tanto quanto duvidosos, chegando no rio, eles tentaram mas não conseguiam, dois disseram:

- Aquele pastor está louco, vamos embora senão ficaremos o dia todo aqui.

Horas mais tarde o pastor foi até aquele rio e encontrou apenas um dos jovens que mergulhava a peneira e levantava, repetidas vezes. Ao ver o pastor ele disse meio triste:

- Ah pastor, quando eu coloco a peneira no rio ela fica cheia, mas quando tiro ela esvazia!

- Eis a sua resposta meu jovem, você só poderá ser cheio enquanto permanecer mergulhado nEle!

Postado Por Thomas Jefferson em 14/01/2015 11:21:49
Visualizações: 229541 | Comentários: 2044

O trem da vida

A vida é como uma viagem num trem, com suas estações, suas mudanças de curso, seus acidentes... Ao nascermos, pegamos o trem e nos encontramos com nossos pais, e acreditamos que sempre viajarão ao nosso lado, mas, em alguma estação, eles dessem e nos deixam sós na viagem. Da mesma forma outras pessoas pegarão o trem e nos serão significativas: nossos irmãos, amigos, primos, filhos e até mesmo o amor de nossa vida. Muitos descerão e deixarão um vazio permanente, outros passam tão despercebidos que nem damos conta que eles desocuparam seus acentos.

Esta viagem estará cheia de alegrias, tristezas, fantasias, esperas e despedidas. O êxito consiste em ter uma boa relação com todos os passageiros, dando o melhor de nós.

O grande mistério para todos é que não sabemos em qual estação desceremos. Por isso, devemos viver da melhor maneira, amar, perdoar, oferecer o melhor de nós. Assim, quando chegar o momento de desembarcar e nosso acento estiver vazio, vamos deixar bonitas lembranças aos que continuam viajando no trem da vida!!

Desejo a você que a viagem em seu trem seja melhor a cada dia, com muito sucesso e amor. Ah! E lhe agradeço por ser passageiro no meu trem!

Postado Por Thomas Jefferson em 14/01/2015 11:08:07
Visualizações: 220577 | Comentários: 1959

Janela da Alma

Dois homens , ambos gravemente doentes , estavam no mesmo quarto de hospital.

Um deles podia sentar-se na sua cama durante uma hora todas as tardes para conseguir drenar o líquido de seus pulmões .

Sua cama estava junto da única janela do quarto. O outro homem tinha de ficar sempre deitado de costas para a janela.

Os homens conversavam horas a fio . Falavam das suas mulheres e famílias, das suas casas, seus empregos, seu envolvimento no
serviço militar,locais onde eles passava as férias.

Todas as tardes , quando o homem da cama perto da janela se sentava , ele passava o tempo descrevendo ao seu companheiro todas as coisas que ele podia ver do lado de fora da janela.

O homem da cama do lado começou a viver para aqueles períodos de uma hora, em que o seu mundo era alargado e animado por toda a atividade e cor do mundo do lado de fora.

A janela dava para um parque com um lindo lago de patos e cisnes brincavam na água enquanto crianças com os seus barquinhos . jovens namorados caminhavam de braços dados por entre as flores de todas as cores e uma bela vista da silhueta da cidade podia ser visto na distância.

Quando o homem perto da janela descrevia isto tudo com detalhes requintados , o homem no outro lado do quarto fechava os seus olhos e imaginava esta cena pitoresca .

Uma tarde quente, o homem perto da janela descreveu um desfile que passava.

Embora o outro homem não conseguisse ouvir a banda ele podia vê-lo no olho da sua mente como o senhor a retratava através de
palavras descritivas .

Dias , semanas e meses se passaram. Uma manhã , a enfermeira chegou ao quarto trazendo água para os seus banhos, e encontrou o corpo sem vida do homem perto da janela , que tinha morrido tranquilamente em seu sono .

Ela ficou muito triste e chamou o atendentes para que levassem o corpo .

Logo que lhe pareceu apropriado, o outro homem perguntou se podia ser colocado na cama perto da janela. A enfermeira ficou feliz em fazer a troca , e depois de ter certeza que ele estava confortável , ela deixou ele sozinho.

Vagarosamente, pacientemente , ele se apoiou em um cotovelo para tomar o seu primeiro olhar para o mundo real.

Fez um grande esforço e lentamente a olhar para fora da janela além da cama .

Ele enfrentou uma parede em branco .

O homem perguntou à enfermeira o que poderia ter levado seu companheiro falecido, que tinha descrito coisas tão maravilhosas fora dessa janela.

A enfermeira respondeu que o homem era cego e nem sequer conseguia ver a parede.

Ela disse:  - Talvez ele só queria encorajar você.

epílogo:
Há uma felicidade tremenda em fazer os outros felizes, apesar dos nossos próprios problemas. A dor partilhada é metade da tristeza , mas a felicidade quando partilhada, é dobrada .

Se você quer se sentir rico, conta todas as coisas você tem que o dinheiro não pode comprar. " Hoje é uma dádiva, é por isso que é chamado de O PRESENTE .

Postado Por Thomas Jefferson em 21/01/2014 22:28:28
Visualizações: 214878 | Comentários: 1893

Reflita

Ateu:      - Deus não existe
Cristão: - Existe sim

Ateu:      - Prove!
Cristão: - Não posso

Ateu:      - Então Deus não existe!
Cristão: - Sabe quando você está chupando uma laranja e sabe que o gosto dela é doce?

Ateu:      - Sim
Cristão: - E se eu dissesse que ela não está doce o que você faria para me provar o contrário?

Ateu:      - Diria para você experimentá-la!
Cristão: - Então, da mesma forma que você sabe que a laranja é doce, porque está sentindo, assim eu sinto que Deus existe pois sinto. Eu não posso te provar que Ele existe, o único modo de você acreditar é experimentar por si mesmo e sentir a presença de Deus em sua vida!

Postado Por Thomas Jefferson em 14/09/2013 11:50:38
Visualizações: 231746 | Comentários: 2019

O mestre e o escorpião

Um mestre do Oriente viu quando um escorpião estava se afogando e decidiu tirá-lo da água, mas quando o fez, o escorpião o picou. Pela reação de dor, o mestre o soltou e o animal caiu de novo na água e estava se afogando de novo. O mestre tentou tirá-lo novamente e novamente o animal o picou.

Alguém que estava observando se aproximou do mestre e lhe disse:

— Desculpe-me, mas você é teimoso! Não entende que todas às vezes que tentar tirá-lo da água ele irá picá-lo?

O mestre respondeu:

— A natureza do escorpião é picar, e isto não vai mudar a minha, que é ajudar.

Então, com a ajuda de uma folha o mestre tirou o escorpião da água e salvou sua vida.

Não mude sua natureza se alguém te faz algum mal; apenas tome precauções. Alguns perseguem a felicidade, outros a criam. Preocupe-se mais com sua consciência do que com a sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, não é problema nosso... é problema deles.

Postado Por Thomas Jefferson em 12/07/2013 15:58:11
Visualizações: 201889 | Comentários: 22

Cristo quer suprir nossas necessidades, entregue sua vida nas mãos Dele!

Uma mulher vestida de forma simples e com um rosto sofrido, entrou em uma loja. Se aproximou do dono e envergonhada perguntou se poderia levar alguns produtos e pagar depois. Com uma voz suave, ela explicou que seu marido estava muito doente e que não podia trabalhar, que tinham sete filhos e precisavam de alimentos.

O dono da loja, inflexível, pediu para que a mulher fosse embora. Porém, a mulher pensando em sua família continuou implorando: "Por favor senhor, eu pagarei assim que puder". O dono da loja negou dizendo que não poderia dar crédito para uma pessoa que ele não conhecia.

Perto da entrada da loja estava um cliente que escutou a conversa. O cliente se aproximou e disse ao dono que ele se responsabilizaria pelas compras da mulher, mas ele ignorou.

O dono da loja se virou para mulher e perguntou: "Você tem uma lista de compras?", ela respondeu "Sim senhor".

"Está bem, coloque sua lista na balança e o quanto pesar sua lista, eu vou lhe dar em alimentos", disse ele.

Ela se hesitou por um momento e de cabeça baixa, pegou em sua carteira um pedaço de papel e escreveu sobre ele. Em seguida, com receio, a mulher colocou o papel na balança. Ao fazer isto a balança abaixou de uma vez, como se tivesse colocado uma pedra sobre ela. O dono da loja e o cliente olharam com espanto e admiração. O dono da loja começou a colocar alimentos do outro lado da balança, mas ela nem se mexia, então ele continuou a colocar mais e mais alimentos, mas como a balança nunca se igualava, ele não aguentou e pegou o pedaço de papel para ver se havia algum truque.

O dono da loja olhou o papel e leu com espanto... não era uma lista de compras, era uma oração que dizia: "Querido Deus, o Senhor conhece minhas necessidades, deixo esta situação em suas mãos".

O dono da loja deu a mulher todos os alimentos que estavam na balança e ficou em silêncio enquanto a mulher saía da loja.

Reflexão:

Faça como essa senhora, confia no Senhor, entrega tua vida nas mão dele e Ele suprirá todas as tuas necessidades.

Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará (Sl 37:5)

Se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada ao fogo, não vestirá muito mais a vocês, homens de pequena fé?

Portanto, não se preocupem, dizendo: "Que vamos comer?" ou "Que vamos beber?" ou "Que vamos vestir?"

Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas.

Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas serão acrescentadas a vocês.

Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal.

Mt. 6.30-34

Que Deus nos abençõe!

Postado Por Thomas Jefferson em 20/04/2013 11:50:03
Visualizações: 202201 | Comentários: 1